Associação Selectiva Moda vania@selectivamoda.com
Os cookies ajudam-nos a oferecer os nossos serviços. Ao utilizar a nossa página, concorda com a nossa política de cookies. Saiba Mais

TECIDOS PORTUGUESES VOAM ATÉ AO MERCADO JAPONÊS

Albano Morgado – Burel Factory – Fitecom – Lemar – são as 4 empresas portuguesas que viajam até Tóquio para participarem em mais uma edição da Jitac, que decorre de 17 a 19 de outubro. A participação portuguesa nesta feira é uma iniciativa da Associação Selectiva Moda, no âmbito do projecto de internacionalização From Portugal.

Albano Morgado – Burel Factory – Fitecom – Lemar – são as embaixadoras do “made in” Portugal, de 17 a 19 de outubro, em mais uma edição da Jitac European Textile Fair. O palco para esta edição será o Bellesalle Shibuya Garden. O mercado nipónico está em crescimento, tem um enorme potencial, o que o torna bastante apelativo para as empresas portuguesas.

Presença habitual no mercado nipónico, a Burel Factory leva até ao mercado japonês tecidos 100% lã. Para a marca portuguesa este é um mercado importante «o Japão foi o nosso primeiro mercado internacional. Foi lá onde estreamos a nossa presença nas feiras internacionais, uma estratégia que temos vindo a continuar. Tudo isso resultou muito bem, o que fez com que tenhamos conquistado algumas parcerias que temos mantido até hoje. A escolha deste mercado e desta feira é a consolidação de todo esse investimento que muito nos orgulha», explica Romeu Lebres, marketing & communication manager da empresa.

Na sua segunda participação, para a estação fria do próximo ano, a Fitecom destaca «tecidos 100% lã virgem, Shetland type, lambswool type, Tweeds, lã virgem e “blends” com e sem elastano “Lycra”, diversos acabamentos especiais para fatos, casacos, calças e saias para Homem e Senhora e tecidos especiais para uniformes». João Carvalho, ceo da empresa, considera que «o mercado Japonês tem bastante potencial para os nossos produtos, como tal queremos incentivar o contato direto com o maior número de clientes possível e aprofundar o conhecimento do mercado».
Por seu lado, a Lemar, presença assídua neste certame, destaca na coleção que irá apresentar «tecidos para banho lisos, riscas, squares, estampados». Fátima Silva, assistente de direcção da empresa, revela que «este é um mercado que está em crescimento, onde contamos com uma carteira de clientes bastante interessante, sendo o principal objectivo angariar novos contactos, mas também receber clientes já existentes, numa tentativa de aumentar o volume de negócios».

Estarão também presentes no certame três empresas portuguesas: Gierlings Velpor, Riopele e Somelos Tecidos.

A participação destas 4 empresas portuguesas na Jitac, é uma ação do From Portugal 2017, uma iniciativa promovida pela Selectiva Moda e pela ATP – Associação Têxtil e Vestuário de Portugal, que visa promover a internacionalização das empresas portuguesas da área da Moda. O projeto From Portugal 2017 é co-financiado pelo Portugal 2020, no âmbito do Compete 2020 - Programa Operacional da Competitividade e Internacionalização, tendo um montante de apoio elegível de 12.422.824,75 €, dos quais 6.815.741,00 € são provenientes da União Europeia, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.